Acupuntura para emagrecer

Atualmente, têm ganho muita expressão as procuras de métodos eficazes para perder peso sem passar fome. Nesta linha, a acupuntura vem a adquirir força e a ter cada vez mais adeptos. Neste artigo, vamos guiá-lo através do mundo do “emagrecimento com agulhinhas”, explicando porque faz emagrecer, e respondendo a questões frequentemente colocadas por quem pretende iniciar a técnica.

Porque reduz o inchaço?

A prática da acupuntura reduz o inchaço do organismo, contribuindo assim para a diminuição do aspeto mais rechonchudo. Tudo isto porque controla e elimina fontes de acumulação de gordura. Vejamos:

Em primeiro lugar, a técnica chinesa reduz a ansiedade. Efetivamente, aquela ansiedade que aparece sem qualquer motivo aparente e redunda numa vontade incontrolável de devorar tudo o que está dentro do seu frigorífico vai ser reduzida e até mesmo completamente eliminada através da acupunctura. Desse modo, uma das principais fontes de alimentação em excesso fica abatida.

Além disso, a acupuntura reduz o próprio apetite para comer. A técnica, através de pontos de pressão localizados nos lóbulos das orelhas, controla o apetite e, assim, facilita a moderação na hora de se alimentar.

O tratamento causará ainda uma livre e equilibrada circulação de energia pelo corpo, levando a um correto funcionamento intestinal. Ora, se o intestino funciona bem, o corpo não vai inchar tanto, uma vez que não retém fezes. O que se diz para o intestino também funciona para os rins, levando a menos retenção de líquidos.

Por último, a acupunctura dar-lhe-á também a necessidade de dormir mais, nomeadamente aquelas clássicas 8 horas diárias. Porque é que isto é importante? Porque dormir bem é essencial para reduzir a ansiedade e as necessidades energéticas sentidas, levando-nos a comer mais para suprir a falta de sono.

Como reduz o apetite?

A acupuntura, prática milenar chinesa, que se estima ter já mais de 5 mil anos, pode agora ser utilizada diretamente para emagrecer. A nossa missão agora é perceber porquê.
Existem vários pontos de pressão localizados nas nossas orelhas, que têm grande influência em tudo o que sentimos no dia a dia. Assim, o tratamento utiliza esses pontos para permitir ao nosso cérebro transmitir ao corpo a sensação de fome com menos intensidade do que é habitual. Assim, o tratamento consiste em dar leves picadinhas nas orelhas do paciente, podendo por essa via regular o sono, apetite e ansiedade.

Perguntas frequentes:

Como se faz?

Em regra, a aplicação é feita através de 3 instrumentos diferentes: bolinhas metálicas, sementes ou agulhas finas. Estas devem permanecerem na orelha durante quatro dias. Se a opção recair em esferas metálicas ou sementes, os pontos da orelha devem ser apertados de tempos a tempos, por forma a estimular a energia. Se o método escolhido for com agulhas, o estímulo é desnecessário. Todos os materiais são colocados de forma fixa na orelha com esparadrapo, não havendo qualquer inconveniente em molhá-los.

Como são compostos os materiais?

Esferas metálicas: Podem ser de ouro (positivo), prata (negativo) ou outros metais (neutrosque deseja ver activo, neutralizado ou desestimulado no seu organismo.

Sementes de mostarda: São necessariamente de dimensão muito pequena e, por isso, são usadas na orelha de maneira discreta.

Agulhas auriculares: Específicas para orelhas, são chamadas de semi-permanentes.

Qual é a frequência do tratamento?

Até o aparecimento dos resultados desejados, as aplicações devem acontecer uma a duas vezes por semana.

Dói?

Idealmente não deve doer. Se sentir dor, deve informar o médico, pois estão a acontecer erros no tratamento, que devem ser revistos para solucionar o problema.

Quantos quilos vou perder?

Depende da sua dedicação. A redução do peso será naturalmente gradual e pode chegar a 4 quilos por mês. Isto, como é óbvio, se for acompanhada por uma alimentação equilibrada e exercício físico.

Há alguma contraindicação?

Apenas as gestantes devem evitar a acupuntura de emagrecimento.

Advertisement

Sem comentários

Deixe um Comentário